Vegana na Barra do Una, na Juréia!

Guest Post por Greice Paneto

Era mês de maio de 2017, fim de semana chuvoso e frio, animados, eu e Marcelo (meu esposo) fomos acampar perto do mar, para um trip “vegana na Barra do Una, na Juréia” por Greice Paneto.

Saímos do centro de São de São Paulo com destino à Peruíbe para almoçarmos no restaurante Tarang o qual merecem um artigo somente sobre ele,  é incrível! Seguimos em direção à Praia do Guaraú, e desse ponto pegamos uma estrada de terra que, não ocasião, era estrada de lama por 18km aproximadamente. Estávamos de carro 4×4 mas vimos diversos carros de passeio pela estrada fazendo o mesmo percurso, talvez sofrendo um pouco mais.

 

O nosso destino nos encantou com tanta beleza e paz pois fica numa reserva ecológica com pouco movimento, pelo menos num fim de semana sem feriado, que foi o nosso caso.

Não entramos no mar pois além de frio a maré estava alta mas soubemos que há épocas que o mar fica calmo e muito bom dar um mergulho. A praia tem 2km de extensão, do lado esquerdo há um rochedo, onde vimos pessoas passeando, ao fundo um morro de pura mata atlântica e do lado direito encontramos o Rio Una que tem um visual incrível.

Foto: Viva o Brasil

 

Foto: Viagens e Caminhos

 

Para hospedagem, apenas camping e como fomos preparados, levamos além dos apetrechos como barraca, colchão, fogareiro, levamos também nosso kit vegano com macarrão, molho de tomates, temperos secos, azeite, sal, biscoito de arroz, panquecas, pasta de amendoim, água, café solúvel, castanhas, frutas frescas e secas e até pipoca. Uma boa dica para preparar no camping é um mix de arroz, lentilha e legumes, preparados tudo na mesma panela, prato único que alimenta e é bem gostoso.

Na região não há muita estrutura, lugar muito simples, mas vimos alguns bares e lojinhas na chegada da praia. Uma perfeição para quem gosta de simplicidade e conexão com a natureza.

Voltando a Peruíbe, o que é o restaurante Tarang? Uau… Como eu disse, estávamos a caminho de Barra do Una para acampar e paramos em Peruíbe para o almoço, pesquisando na net o primeiro restaurante que veio foi o Tarang e nos emocionamos tanto com o cardápio deles que já planejamos no retorno do passeio também almoçarmos com eles. Fica em Peruíbe na Rua România, 342, Stella Maris.

O ambiente é acolhedor, com uma decoração linda e um atendimento ótimo. Percebemos que é tudo preparado com o coração, e não apenas com as mãos.

 

 

É um restaurante que dá vontade de provar tudo, afinal o cardápio tem opções de almoço,  lanche, petisco, sucos, shakes, açaí e muito mais. Todo cardápio, além de vegano, é livre de glúten e soja, é visível que tudo é preparado com muito cuidado e carinho.

Na primeira parada nós compartilhamos um prato do dia que era arroz, feijão branco com legumes, escarola refogada, Banana grelhada e canelone de berinjela com queijo de castanha e pedimos também para compartilhamos um “graomelete” de  brócolis com queijo de castanha.

Para beber foi algo que nunca havíamos provado dessa maneira, eu pedi cana com limão e gengibre e o Marcelo pediu cana com  frutas vermelhas, sabores incríveis que ficaram na minha memória afetiva.

De sobremesa compartilhamos uma mousse de cacau com maracujá, que estava emocionante, e para acompanhar o Marcelo pediu um expresso puro e eu um expresso com leite de amêndoas, que veio com uma espuminha que amo.

 

Em nossa segunda passagem por Peruíbe, depois do acampamento, almoçamos novamente no Tarang e desta vez eu pedi um nhoque de espinafre com biomassa e o Marcelo pediu nhoque de batata doce, os dois pratos são servidos com molho de tomates e queijo vegano ralado. Muito saboroso, com quantidade adequada e preços justos.

 

 

 

Para beber, eu pedi uma Poção de Ânimo que vem laranja, abacaxi, beterraba, cardamomo e gengibre e o Marcelo pediu “canaxirango” que é feito de cana, abacaxi e morango.

De sobremesa pedimos um manjar de chocolate com granola, nozes e melado de cana, que estava também incrível.
Ai, tá difícil falar, vamos ter que voltar um monte de vezes e provar tudo que há no cardápio.

Conversamos rapidamente com os proprietários pois estavam na correria atendendo todos clientes mas pedi para a Thais fazer um resumo da história deles, que segue abaixo:

” Em 2010, eu, Thais Cecato, participei de um curso de alimentação viva, o “Living Food Life Style” no Instituto Ann Wigmore em Porto Rico. A sensação que meu corpo vivenciou e a leveza mental que senti durante e após o curso foi tão benéfica que tive um insight, uma vontade e uma certeza de abrir uma porta para vender saúde. Sucos, shakes, açaí, sorvetes e cremes todos elaborados a partir das combinações dos alimentos e, claro, tudo seria vegano. Me associei ao meu irmão Igor, que já ministrava aulas de Yoga e estava em busca de um espaço próprio para praticar com os alunos. Com um desejo de estilo de vida menos urbano, escolhemos Peruíbe , já que nos identificávamos com a cidade onde passávamos a maior parte do tempo.

No dia 14 de janeiro de 2011, timidamente nasceu a Tarang, com o ideal de levar saúde para as pessoas e ampliar seus conhecimentos e conceitos sobre alimentação. Reformamos a garagem de uma casa alugada e tudo começou assim: com poucas mesas, zero de experiência comercial e, principalmente, sem saber como seria a aceitação da população local. Entretanto tínhamos grande entusiasmo e boas intenções.

No boca a boca fomos  conquistando a freguesia. Alguns curiosos, alguns vegetarianos, outros em dieta, fanáticos por açaí, nutricionistas, intolerantes à lactose, intolerantes ao glúten, viajantes e por ai vai.  Aos poucos, naturalmente, tudo foi se ampliando: o espaço, o cardápio, a clientela e os funcionários. Além do cardápio servimos no almoço pratos diferentes a cada dia. A família toda entrou na dança. Meu irmão cuida do caixa, da administração e das compras. Meu pai, desenvolve as massas dos pães, das pizzas, os pastéis e os bolos sem glúten. Minha mãe, elabora e ajuda na produção dos pratos do almoço e das sobremesas, além de ajudar também no atendimento.

Notamos com satisfação que existe hoje uma mudança no significado de qualidade de vida e as pessoas estão adquirindo uma nova consciência sobre o mundo e sobre seu próprio corpo. Hoje, após 6 anos de trabalho, a Tarang segue crescendo feliz por contribuir para o bem estar das pessoas, dos animais e do planeta.”

 

Sobre Greice Paneto

Amante da culinária e causa vegana, sonhadora e otimista. Ama viajar e conhecer as culturas e culinária local.

Se você também teve uma experiência de viagem bacana e quer compartilhar em nosso BLOG, clique aqui em Quero Colaborar. Podemos publicar sua sugestão, resenha ou matéria, etc.. pode ser de um restaurante, de uma cidade, de um evento. Adoraríamos ter suas palavras em nosso BLOG, Vegan4you, VeganWithUS!!

Se você gosta de viajar, saiba que podemos ajudar na montagem de sua viagem, saiba mais sobre a nossa CONSULTORIA. Sigam-nos na #vegtrips , enviem-nos dicas de destinos que gostariam de conhecer no contato@vegan4you.com.br ou também através do WhatsApp 011-967321295

Publicidade:


VeganMe é um novo APP onde vocês encontrarão as opções veganas na rua através do smartphone assim como era com o SPVeg, pois agora o SPVeg será VeganMe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *